Os Autores dos artigos aqui publicados estão devidamente identificados pelo editor.
10 de Novembro de 2009

Estudo encomendado pelo anterior Governo revela que a cultura e as artes criativas deram maior contributo para o PIB do que os sectores têxtil e alimentar


 


A cultura e as artes criativas - uma das áreas mais descuradas pelo anterior governo, nas palavras do próprio primeiro-ministro - é afinal um sector capaz de produzir mais riqueza do que outros considerados prioritários na economia nacional, como o têxtil. Em 2006, o sector cultural e criativo, entendido no sentido lato, originou uma valor acrescentado bruto (VAB) de cerca de 3,7 milhões de euros. Ou seja, foi responsável por 2,8% de toda a riqueza criada nesse ano em pela economia portuguesa.


 


A conclusão é de um estudo encomendado pelo Ministério da Cultura a Augusto Mateus, economista e ex-ministro da Economia, que analisou o sector no período entre 2000 e 2006, e constatou que o contributo da cultura e das artes criativas para a riqueza gerada em Portugal foi, nesse período, superior ao contributo dado pelas indústrias alimentar e do têxtil.


 

publicado por PS Seia às 09:23
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
29
30
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados
13 comentários
11 comentários
10 comentários
7 comentários
7 comentários
6 comentários
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Caros Amigos,Aproveito a oportunidade para desejar...
NÃO ADMIRA QUE O PSD ESTEJA NESTE ESTADO. VEJAM QU...
ESTES COMENTÁRIOS JÁ EESTÃO FORA DE MODA. O PRESI...
O PARTIDO SOCIALISTA tem todas as condições para ...
O PARTIDO SOCIALISTA tem todas as condições para ...
O PARTIDO SOCIALISTA tem todas as condições para ...
O PARTIDO SOCIALISTA tem todas as condições para ...
O PARTIDO SOCIALISTA tem todas as condições para ...
Hoje no frente a frente da SIC Notícias tive opor...
Pior era não fazermos nada! E o PS ficará sempre ...
blogs SAPO